TOPO

David Lynch diz que não vai dirigir retorno de ‘Twin Peaks’

por Christian Simon / Publicado em segunda-feira, 06 abr 2015 11:32 AM / / 377 views

111O cineasta americano David Lynch anunciou que não vai dirigir o retorno da série de TV cult “Twin Peaks”, após uma polêmica sobre quanto ele deveria receber pelo trabalho.

“Após um ano e quatro meses de negociações, eu saí porque não recebi uma oferta suficiente de pagamento para fazer o roteiro da maneira que eu considerava que deveria ser feito”, escreveu Lynch em uma mensagem no Twitter no domingo à noite.

O canal de televisão Showtime anunciou que a série, que tem como ponto de partida um assassinado na pequena e excêntrica cidade de Twin Peaks, retornaria como um programa de período limitado em 2016, 25 anos depois da exibição da segunda e última temporada.

Lynch afirmou que a série “ainda pode estar viva” no Showtime, mas que já ligou para vários atores para informar que não vai dirigir o programa.

“Eu amo o mundo de Twin Peaks e gostaria que as coisas tivessem acontecido de maneira diferente”, escreveu no Twitter.

De acordo com a imprensa americana, o canal Showtime divulgou um comunicado no demonstra esperança de chegar a um acordo com Lynch.

“Nós ficamos tristes de ler o comunicado David Lynch hoje, já que acreditávamos que estávamos trabalhando para chegar a soluções com David e seus agentes nos poucos pontos restantes”, afirma a nota.

“Showtime também ama o mundo de Twin Peaks e nós continuamos com a esperança de que poderemos trazer de volta em toda sua glória, com seus dois criadores extraordinários, David Lynch e Mark Frost, à frente”.

A série original foi protagonizada por Kyle MacLachlan, que interpretou o agente do FBI Dale Cooper, Sherilyn Fenn, Lara Flynn Boyle e Joan Chen.

MacLachlan vai retornar ao papel na ‘terceira temporada’.

As duas temporadas de “Twin Peaks”, exibidas em 1990 e 1991, foram seguidas por um filme, “Twin Peaks: Fire Walk with Me” (“Twin Peaks: Os Últimos Dias de Laura Palmer”, no Brasil), em 1992.

|

Comentários no Facebook