Com a gravidez na semana limite, Kate Middleton não desacelera e até dirige

Neil Mockford/Alex Huckle/GC Images Podendo dar à luz seu segundo filho a qualquer momento – segundo a imprensa britânica a expectativa era de que o parto tivesse acontecido há cinco dias -, Kate Middleton não diminuiu o ritmo mesmo na reta final da gravidez.

por
  • Neil Mockford/Alex Huckle/GC Images

    Com a gravidez na semana limite, Kate Middleton não desacelera e até dirige

Podendo dar à luz seu segundo filho a qualquer momento – segundo a imprensa britânica a expectativa era de que o parto tivesse acontecido há cinco dias -, Kate Middleton não diminuiu o ritmo mesmo na reta final da gravidez.

Depois de ir às compras no último final de semana de salto alto e viajar até o Palácio de Buckingham com o filho George na terça-feira – supostamente para as aulas de natação do príncipe -, Kate ainda estava em plena atividade na quarta-feira, quando foi fotografada dirigindo o carro com William no banco de passageiro em seu quarto aniversário de casamento.

“Ela continua sua vida normal assim como qualquer mãe”, disse Rosie Pope, designer de roupas da maternidade na Inglaterra em entrevista à revista “People”. “Na segunda vez [de gestação], você não pensa muito a respeito [em diminuir o ritmo] porque sabe que irá acontecer [o parto], mas isso não muda a sua vida da mesma forma [como na primeira gravidez]”, acrescentou.

Especialista em gravidez e assistente de parto,  Zita West confirmou para a publicação que fazer exercícios não prejudica a gestação: “Estar ativa fisicamente quando passou o prazo para o ter o bebê pode ajudar [a induzir o parto]”. Enquanto isso, a equipe médica se organiza para induzir o parto da duquesa de Cambridge caso seja necessário.

Você também vai curtir