Jennifer López volta ao cinema no melhor momento de sua carreira

Depois de um 2014 dedicado à música, Jennifer López retoma a faceta de atriz com o filme "O Garoto da Casa ao Lado", um drama de baixo orçamento que chega no melhor momento de sua carreira e abre uma nova porta na indústria cinematográfica.

por

jennifer-lopez_press-2013-650
Depois de um 2014 dedicado à música, Jennifer López retoma a faceta de atriz com o filme “O Garoto da Casa ao Lado”, um drama de baixo orçamento que chega no melhor momento de sua carreira e abre uma nova porta na indústria cinematográfica.

López interpreta uma professora de Literatura em um colégio de Los Angeles que tenta superar a infidelidade do marido (John Corbett), mas que sucumbe aos encantos do vizinho (Ryan Guzman).

Após uma noite de paixão – “intensa e real, se não o filme deixava de ter sentido”, segundo a atriz -, o vizinho desenvolve uma obsessão por sua personagem.

O filme, dirigido por Rob Cohen (responsável pelo primeiro filme da franquia “Velozes e Furiosos”, de 2001), estreia nesta quinta-feira no Brasil.

A conexão da atriz com a personagem foi instantânea, apesar de Jennifer López ser famosa pelas comédias românticas.

“Encaixa perfeitamente comigo agora. Eu entendi o que estava acontecendo, o que significa quando sua vida desaba, que nada tenha sentido e que você não pertença a lugar nenhum”, explicou a atriz durante uma entrevista coletiva em Los Angeles.

“A história trata de uma mulher frágil que busca a força para perceber o que é melhor para sua família”.

Os paralelos com a vida privada da atriz são inevitáveis. Há menos de um ano ela se divorciou do cantor porto-riquenho Marc Anthony, de quem já estava separada desde 2011, após sete anos de casamento. O casal teve dois filhos gêmeos.

Mais poder

A experiência e a maturidade – ela tem 45 anos – ensinaram que a atriz deve aproveitar toras as oportunidades melhorar como artista.

No ano passado, J.Lo promoveu ao máximo o disco “A.K.A”, que tem colaborações com Pitbull, Iggy Azalea, Tyga e French Montana, e sua apresentação na cerimônia de abertura da Copa do Mundo do Brasil.

“Acredito que estou em um dos melhores momentos da minha vida”, revela.

“Quando você é jovem não percebe suas limitações, mas aprendi a cuidar de mim mesma porque ninguém mais vai fazer isto”, completa.

“The Boy Next Door” (no original) é outro exemplo da mentalidade empresarial e de futuro da atriz.

“A indústria está mudando”, afirma.

O filme, do qual também é produtora, contou com um orçamento de quatro milhões de dólares e foi rodado em apenas 25 dias.

“Nunca havia feito um filme assim. Mas depois percebi que posso fazer o filme que desejar, sem esperar que um grande estúdio aprove ou me contrate”, explicou.

“É uma nova época que fortalece os atores. Temos mais poder agora do que antes”.

Em breve, Jennifer López vai lançar “Lila & Eve”, no qual contracena com Viola Davis, e uma série de televisão. Para 2015 também prepara suas memórias, com informações sobre os mais de 25 anos de carreira, e voltará a ser uma das juradas do reality show “American Idol”.

Você também vai curtir