TOPO

Conheça um pouco da história do Lollapalooza. Festival criado há quase 25 anos

por Marta Lima / Publicado em sexta-feira, 27 mar 2015 20:32 PM / / 340 views

 

Perry Farrell

Apesar de estar entrando em sua quarta edição no Brasil, a história do Lollapalooza é bem antiga e começa no início dos anos 90. A ideia veio de Perry Farrell do Jane’s Addiction que se inspirou no festival A Gathering of the Tribes ocorrido em 1990.

Esse evento foi criado por Ian Astbury do The Cult para aumentar a conscientização e arrecadar dinheiro para a população indígena norte-americana. O que chamou a atenção de Farrell foi o line up bastante eclético arregimentado por Astbury que tinha tanto a musa da música folk Joan Baez quanto o Soundgarden e astros do rap – numa época em que eles raramente eram aceitos em festivais para o público roqueiro.

No ano seguinte Farrell colocou em prática sua ideia de festival. O primeiro Lollapalooza foi um evento itinerante que juntou o Jane’s Addiction a nomes como Siouxsie And The Banshees, Living Colour, Ice T, Nine Inch Nails e outros mais. A trupe rodou os Estados Unidos por mais de um mês e o sucesso foi grande – ainda mais numa época em que o tal “rock alternativo” começava a despontar no mainstream.

Infelizmente, o primeiro Lolla também foi marcado pelas brigas cada vez mais constantes entre os integrantes do Jane’s Addiction, que culminaram com o fim da banda em seu auge artístico e comercial.

www.bradberryman.com
Red Hot Chili Peppers
Anthony Kiedis do Red Hot Chilli Peppers no Lollapalooza de 1992

Mesmo com o fim da banda, Farrell decidiu seguir com o festival. e a edição de 1992 é talvez a mais lembrada do evento. Nela tocaram Red Hot Chili Peppers, Ministry, Ice Cube, Soundgarden, The Jesus and Mary Chain, Pearl Jam e Lush.

A edição também é lembrada pelo “Jim Rose Circus”, um circo de freakshow que tinham entre suas atrações um homem que levantava pesos através de piercings (incluindo alguns em sua genitália) e coisas do tipo.

Nos anos seguintes, o Lolla se firmou como um dos festivais mais badalados da América, especialmente enquanto o rock alternativo esteve na pauta do dia. Primus, Smashing Pumpkins e Sonic Youth foram os headliners de 1993, 1994 e 1995 respectivamente.

Mas em 1996 o festival começou a dar pistas de que estava mudando, assim como a cena roqueira. Ainda assim a escolha do Metallica, uma das maiores bandas do mundo, para encabeçar um evento “alternativo”, causou estranheza.

Divulgação
The Prodigy

A edição de 1997 voltou às suas origens priorizando artistas menores e a cena de música eletrônica que começava a chegar ao mainstream com Prodigy (ao lado), The Orb e Orbital. Mas esse acabou sendo a derradeira edição do evento em sua encarnação original.

Em 2003, o Jane’s Addicition retornou, e com eles, o Lolla em seu espírito original. Além deles bandas como Incubus, Audislave e Queens Of the Stone Age também se apresentaram. A alegria infelizmente durou pouco já que a edição de 2004 foi cancelada pela baixa venda de ingressos.

O Lollapalooza finalmente retornou em 2005, agora em seu formato definitivo: um fim de semana em Chicago com cerca de cinco atrações por dia em cada um dos vários palcos montados no local, com a atrações das mais diversas origens, estilos e magnitudes.

As edições itinerantes do festival começaram em 2011 com a edição chilena do evento, que se mostrou um enorme sucesso. No ano seguinte o Lollapalooza finalmente chegou ao Brasil e no ano passado a Argentina também entrou no itinerário.

Agora em 2015, além das edições na América do Sul e Estados Unidos o festival também se prepara para chegar à Europa. Em setembro acontece em Berlim o Lollapalooza Alemanha.

Curta o som de Jack White, Pharrell e de todas as atrações do Lollapalooza Brasil aqui no Popzone!

|

Comentários no Facebook