TOPO

Astro de “Mad Men” fala sobre período internado em clínica de reabilitação

por Redação / Publicado em quinta-feira, 26 mar 2015 09:43 AM / / 360 views

Astro de "Mad Men" fala sobre período internado em clínica de reabilitação

Jon Hamm, astro da série “Mad Men”, quebrou o silêncio na noite desta quarta-feira (25) a respeito do período de 30 dias em que passou internado em uma clínica de reabilitação para tratamento de uma dependência de álcool. O ator compareceu a uma festa promovida pela rede AMC, produtora do seriado no qual interpreta o sedutor publicitário Don Draper, no Dorothy Chandler Pavilion, em Los Angeles.

“A vida joga muito sobre você algumas vezes, e você precisa lidar com isso da forma que consegue. Eu tenho sorte de, nas últimas 24 horas, ter contado com o apoio da minha família e dos meus amigos”, disse o ator, em entrevista ao site norte-americano E! Online.

Hamm também falou brevemente sobre a comparação feita por fãs e pela imprensa entre seu tratamento e a condição de seu personagem, Don Draper, que é alcoólatra na trama de “Mad Men”.

“Obviamente pode-se discutir muito sobre esta relação, mas honestamente não tenho muito o que falar a respeito. Eu já disse por vários meios que atuar é um grande esforço, certamente não tão difícil quanto um exemplo que dei recentemente, sobre um cirurgião que cuida de um coração de um bebê”

Silêncio
Em entrevista recente ao Popzone, o ator se recusou educadamente a abordar a questão: “Não fui eu que lancei o anúncio – eu não faria isso jamais, pelo seguinte motivo: trata-se de uma questão de saúde, da minha saúde e da minha vida pessoal. Não vou falar sobre isso”, comentou o astro.

Depois, ele fez questão de dizer que este é um assunto entre ele e a família, não para consumo público. “Só posso dizer que a vida joga um monte de coisas em cima da gente, e cada um lida com essas questões como pode. Eu sou muito sortudo de contar, sempre, com o apoio da minha família, em todas as horas. Foi assim durante minha carreira, e assim com todos os meus problemas”, ressaltou.

|

Comentários no Facebook