Queda espetacular de Madonna rouba a cena na premiação do Brit Awards

Por Liisa Tuhkanen LONDRES (Reuters) – O mau funcionamento do figurino da diva pop Madonna em uma cerimônia de premiação em Londres, repleta de estrelas, dominou as manchetes dos jornais britânicos, que deram destaque nesta quinta-feira a fotos dela caindo para trás numa escada, emaranhada na capa de toureira que vestia.

por

downloadbritO mau funcionamento do figurino da diva pop Madonna em uma cerimônia de premiação em Londres, repleta de estrelas, dominou as manchetes dos jornais britânicos, que deram destaque nesta quinta-feira a fotos dela caindo para trás numa escada, emaranhada na capa de toureira que vestia.

Do jornal Guardian, lido pelas camadas mais altas, até o Sun, tabloide de massas, o tombo de Madonna ofuscou qualquer outra coisa na premiação da indústria da música britânica, o Brit Awards, na quarta-feira.

"Ma-gonna!" era a manchete do diário Metro, distribuído aos usuários do transporte, num trocadilho com o verbo “go” (ir, em português).

A queda aconteceu na metade da interpretação da canção "Living for Love" na quarta-feira à noite, quando ela não conseguiu soltar a capa que fazia parte de um traje de toureira e os dançarinos a puxaram para trás.

Ela olhou assustada quando caiu para trás, escada abaixo, mas continuou a apresentação e disse mais tarde que estava bem, em comentário em sua conta no Instagram.

O mergulho de Madonna foi o momento mais dramático do espetáculo que, não fosse isso, quase não teria surpresas.

O cantor e compositor inglês Ed Sheeran foi o grande vencedor da noite, levando dois dos quatro Brit Awards para os quais foi indicado.

Ele é considerado o melhor artista masculino britânico e também levou para casa o cobiçado prêmio de melhor álbum, para o seu segundo disco, produzido em estúdio e denominado "X".

O cantor de soul Sam Smith, indicado para cinco Brits – e que competia com Sheeran em melhor álbum – acrescentou aos quatro Grammys conquistados este ano o Prêmio Sucesso Global e o troféu de revelação britânica.

Outros vencedores incluíram Paloma Faith, artista feminina britânica, e o duo de rock Royal Blood, que derrotou a popular One Direction e foi eleita a melhor banda britânica.

O prêmio para o melhor artista feminina internacional foi para Taylor Swift, que abriu o show. A cerimônia também teve performances de Take That, Kanye West e George Ezra.

(Reportagem de Michael Roddy/Jeremy Gaunt)

Você também vai curtir