Um pouco sobre Dusko Popov, o espião que inspirou James Bond

por

Skyfall, a vigésima terceira aventura de 007, está bombando nos cinemas. A franquia de filmes inspirada na obra de Ian Fleming é a mais bem sucedida da história do cinema, e já completa 50 anos agora em 2012. O que muita gente não sabe é que James Bond de fato existiu. Durante a Segunda Guerra Mundial o criador do personagem conheceu o iugoslavo Dusko Popov, espião duplo que servia ao governo britânico. Quando os nazistas invadiram seu país Dusko foi recrutado a servir os nazistas. Como não concordava com a ideologia dos alemães se ofereceu ao Império Britânico, tornando-se agente duplo. Teria avisado ao FBI sobre o ataque a base de Pearl Harbor em 1941, mas não foi levado a sério. Sua vida boêmia e animada o fizeram ganhar o apelido de Tricycle, devido a frequência que tinha duas mulheres ao mesmo tempo na cama. Outra corrente diz que o apelido tem a ver com o fato dele ter dois agentes assistentes. Ian Fleming cruzou seu caminho no Cassino de Estoril, em Portugal, durante o conflito. O local era ponto de encontro de espiões e famílias reais na Segunda Guerra. Em 1947, como reconhecimento a sua colaboração, Dusko foi condecorado com Medalha da Ordem do Império Britânico, numa cerimônia informal no Hotel Ritz de Londres. Morreu aos 69 anos em 1981, deixando mulher e três filhos.

Para saber em tempo real as atualizações do blog basta seguir @AndreSank no Twitter